Narrativas Complexas

Raquel Longhi, Anahí Lovato, Arnau Gifreu (Orgs.)

Diego Bonilla (Prefácio)

Autores: Anahí Lovato, Arnau Gifreu-Castells, André Brandão, Carolina Di Palma, Chantal Arduini Amaya, David García-Marín, Esteban Sumano Sánchez, Fernanda Carlos Borges, Jorge Lino Alves, Laura Storch, Leonardo Santana, Lucas Durr Missau, Marina Lisboa Empinotti, Otniel López Altamirano, Pablo Andrés Escandón Montenegro, Raquel Longhi, Taís Marina Tellaroli, Thiago Frison, Wendy Montes Ponce

edição: maio de 2020
isbn 9789898971173
páginas 317

O movimento incessante das narrativas, que trafegam por convergências, fluxos, novas tecnologias, experiências e práticas acentua uma complexidade que recentemente passou a ser objeto de maior reflexão no campo dos estudos de Comunicação.

A complexidade narrativa é parte integrante do pensamento humano, assim como os nós neurais, que constroem os nossos sonhos. Entretanto, com o desenvolvimento da tecnologia digital, novas estruturas foram potencializadas, com reflexos nas práticas de produção, circulação, consumo e distribuição das formas de contar.

As narrativas complexas atuais apresentam um conjunto de desafios durante o desenvolvimento das diferentes fases pelas quais um projeto, qualquer que seja sua natureza, transita em sua longa evolução: na fase inicial de desenvolvimento e pré-produção, em relação à voz narrativa do emissor, prestando atenção à implementação de lógicas de produção, e sobre como articular o mix entre diferentes linguagens. Mas, sem dúvida, nesta fase inicial, é hora de resolver a parte mais importante para a viabilidade do trabalho: o modelo de negócio e seu financiamento. Quando se entra na etapa de produção, entram em jogo várias tecnologias híbridas, a execução de vários meios e plataformas ao longo do tempo, e a mediação de equipes transversais e multidisciplinares, que falam cada uma linguagem própria e devem atuar em sincronia e coerência durante todo o processo. Finalmente, na fase de pós-produção, é hora de desenvolver uma estratégia bem calculada para exposição e distribuição, apresentar o projeto para obter prêmios e reconhecimento e gerar pautas para garantir sua preservação digital em um ecossistema variável e agressivo, onde as novas espécies são predadoras das antigas.

Leitura online